Aula de Canto #8: Chegando ao nível da Kelly Clarkson

Estava ansiosa para falar da aulinha de hoje pois recebi notícias boas, muito boas! Ou quase isso. Quer dizer, mais ou menos. Aliás…

Talvez porque os últimos dias estejam sendo intensos demais, mas o fato é que eu estava um pouco menos empolgada quando cheguei na aula. Começamos com as aquecimentos físicos, depois passamos para a respiração e, desta vez, ficamos mais tempo do que o normal nela, tentando me fazer respirar soltando um “S” pelo máximo de tempo possível. Fiz várias vezes, mas nada substitui a prática do treino em casa que eu não estou fazendo e me odeio por isso. Preciso me disciplinar nesse aspecto. Depois fizemos vocalizes legais e hoje eu parecia estar mais concentrada, porque percebi que Josi conseguiu levar os vocalizes até o mais agudo possível. Eu quase morri em alguns momentos mas me diverti de todo jeito rs.

A aula hoje teve muitos momentos de conversa, o que me fez perceber que o aprendizado não é só exatamente a parte em que eu estou aquecendo a voz ou cantando, e sim essas pausas em que a gente simplesmente conversa sobre música (especialmente considerando que minha interlocutora conhece muito mais de música do que eu hihi). Conversamos sobre utilizar as técnicas corretamente (em qualquer instrumento que você for tocar, inclusive a voz) para não prejudicar as pregas vocais (tenho muito medo disso, de no futuro desenvolver alguma coisa que possa me impedir de cantar), mas a melhor conversa do dia foi aquela em que a verdade foi posta na mesa:

Eu ainda preciso de anos até ficar boa.

Tirando a parte do pequeno ataque cardíaco que se seguiu a essa frase, Josi prosseguiu exemplificando que uma pessoa que entra na universidade para cursar Música vai passar 5 anos no curso possivelmente já tendo tido uns 5 anos de estudo prévio (pelo menos aqui na UFPE é assim, você só entra no curso de Música se já souber da coisa). Ou seja: o ensino musical é algo que demora, e eu tinha noção disso. Meu problema era pensar que eu só poderia cantar, seja em um vídeo, na igreja ou em um show após esses mil anos de treino. E foi aí que meu coração se acalmou, pois Josi falou uma palavra que eu amei escutar: “cante”. Se surgir uma oportunidade na igreja, cante. Se te chamarem pra cantar em algum lugar, cante. Se você estiver numa rodinha de amigos com violão, cante. Aproveite cada oportunidade e crie oportunidades para praticar e verificar seus progressos. Se você cantar uma música hoje, gravá-la e cantá-la de novo daqui a 2 meses, provavelmente já haverá mudanças e, possivelmente, melhoras. Então eu não devo esperar para cantar, nem mais um dia sequer. Mesmo que seja com a voz fake. Mesmo que seja desafinado, fraco e irregular, eu devo cantar. E essa sempre foi a razão de tudo, inclusive das aulas de canto, não é mesmo?

E após isso, eu só podia fazer uma coisa: cantar! Hoje treinamos com Morada, pois Josi percebeu que realmente minha voz se adequou melhor a ela (mas jamais esquecemos de Who Knew, só adiamos um pouco). Confesso que é bom finalmente cantar uma música nova e já notei mudanças em relação à forma com que cantei essa música em março deste ano, no segundo cover que tive a coragem de postar nas interwebs. Agora a voz sai mais forte, precisa, “impostada”. Mais importante: percebi que estou conseguindo controlar melhor a voz, o que era um dos meus objetivos quando entrei nas aulas de canto. Yay! Motivos para comemorar e ser feliz. ❤

Ao final da aula mostrei a teacher uma performance de Have Yourself a Merry Little Christmas, na voz da Kelly Clarkson, e quando o vídeo acabou eu estava encantada, comentando sobre a beleza da técnica vocal da minha diva. Foi quando Josi disse “calma, a gente chega lá” e eu parei, em choque, e disse: “Cê acha mesmo que eu consigo chegar ao nível da Kelly Clarkson?”, ao que ela respondeu, com calma e sinceridade: “Chega, chega sim”.

E até agora eu não consegui pensar em melhor injeção de ânimo que essa. Cheguei em casa e fui cantar loucamente no meu quarto, como sempre foi e sempre deve ser.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s